Notícias

Governador Carlesse inova e abre oficialmente campanha de Febre Aftosa por meio de live nas redes sociais

06/05/2020 - Melânia Kássia/Governo do Tocantins

O governador Mauro Carlesse lançou oficialmente na tarde desta terça-feira, 5, a 1ª etapa da Campanha de Vacinação Contra a Febre Aftosa realizada pela Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec). As vacinações tiveram início no dia 1º de maio e prosseguem até o dia 31 do corrente mês, com expectativa de vacinar aproximadamente 8,5 milhões de bovídeos.

Devido ao atual quadro social com a pandemia da Covid-19, o evento de lançamento da campanha de vacinação foi realizado por meio de uma live nas redes sociais do Governo do Tocantins (Instagram, Facebook e Youtube).

Segundo o governador Mauro Carlesse, a intenção da live é poder informar e orientar os produtores. “Já estamos há 23 anos livres da doença da febre aftosa, e estamos juntando esforços para chegarmos em 2021 com o status sanitário livre da enfermidade sem a vacinação. Com a pandemia e as recomendações da Saúde, esse modelo digital será o nosso aliado para comunicarmos à população e não deixar o Estado parar”, afirmou.

No Tocantins, o calendário da campanha foi mantido devido ao controle no trânsito de animais vacinados e não vacinados, durante a movimentação entre estados com calendários diferentes. Assim, o trânsito de animais de outros estados para o Tocantins só será permitido mediante comprovação da vacinação.

Para o secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Aquicultura, César Halum, é importante todos os produtores terem ciência de que o trabalho da Adapec é feito com segurança e capacidade técnica, permitindo dar condições para que as atividades se desenvolvam. “É importante levar, aos produtores, que o Tocantins está crescendo e expandindo com qualidade os seus produtos. Mas, não é só produzindo que conquistamos nosso espaço, e sim nos preocupando também com a defesa sanitária e a promoção da saúde na mesa da população”, destacou o secretário.

Além do governador Mauro Carlesse, do titular da Seagro, César Halum; e do presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha; o presidente da Assembleia Legislativa (AL/TO), Antônio Andrade, também participou da live.

Declaração de Vacinação

Em virtude da pandemia do novo Coronavírus, o Governo do Tocantins, por meio da Adapec, estendeu a declaração da vacinação até o dia 31 de agosto, para evitar aglomerações de pessoas nas unidades da instituição que atenderão por agendamento. Assim, o produtor rural terá 120 dias para comprovar suas obrigatoriedades, mas caso queira transitar os animais, terá que emitir o Guia de Trânsito Animal (GTA), documento obrigatório de movimentação de rebanho, emitido somente após comprovação de vacina.

O presidente da Adapec, Alberto Mendes da Rocha, lembrou aos produtores que existe unidade da agência nos 139 municípios tocantinenses, e que o empresário só precisa agendar e levar a documentação solicitada. “Estamos agendando para evitar aglomeração, porque no momento ainda não dispomos de um sistema on-line para atender os nossos produtores. No entanto, estamos presentes em todos os municípios com atendimento em horário comercial, das 8 às 14 horas, basta apresentar a nota fiscal da vacina e a carta-aviso preenchida com os dados dos rebanhos existentes na propriedade rural”, garantiu.

O presidente da Adapec ainda destacou que a unidade só quer dar garantia do produto do produtor, mas possui um trabalho fiscalizador da defesa sanitária desse produto. “Assim como cobramos, nós também somos cobrados. A intenção é somente dar melhores condições a cada produtor, ao mesmo tempo em atestamos a qualidade de sua mercadoria na promoção da saúde humana”, concluiu.

Para quem deixar de vacinar, a multa é de R$ 5,32 por animal e R$ 127,69 por propriedade não declarada, além de outras sanções.

Compartilhe esta notícia